Voltar

Home » Notícias » Normas Regulamentadoras e Equipamentos de Remediação

Normas Regulamentadoras e Equipamentos de Remediação

 

 

A Norma Regulamentadora NR-13 foi instituída pelo Ministério do Trabalho e Emprego do Brasil para assegurar a segurança de Caldeiras e Vasos de Pressão. Ela estabelece todos os requisitos necessários, tanto técnicos como legais, relativos à instalação, manutenção, operação e inspeção desses equipamentos.

A NR-13 é uma das normas solicitadas atualmente em auditorias e fiscalizações governamentais. Ela diz respeito aos procedimentos de segurança relacionados com caldeiras, vasos de pressão e tubulações em processos industriais, para que seja garantida a segurança das pessoas que trabalham nestas instalações.

Todos os equipamentos abaixo estão enquadrados na NR-13, sendo eles:

Caldeiras a vapor: equipamentos destinados a produzir e acumular vapor sob pressão superior à atmosférica, utilizando qualquer fonte de energia, projetados conforme códigos pertinentes, excetuando-se refervedores e similares;
Vasos de pressão: equipamentos cujo produto P.V seja superior a 8 (oito), onde P é a pressão máxima de operação em kPa e V o seu volume interno em m3; equipamentos que contenham fluido da classe A¹, independente das dimensões e do produto P.V.

Em Sistemas de Remediação, filtros de água e vapores, tanques de equalização ou separação (vácuo ou pressão) e outros equipamentos são Vasos de pressão, cujo produto P*V pode ser baixo, mas quase sempre devem ser enquadrados nas categorias mais restritivas por conterem misturas com líquidos ou conteúdos inflamáveis (Fluidos classe A1).

A NR-13 determina que tais vasos de pressão seja fabricados/projetados conforme uma norma internacional, a ASME (American Society of Mechanical Engineers) Seção VIII Div. I, que determina, entre outras coisas, a existência de espessuras extras para desgaste e padrões para soldas e conexões, o que confere aos vasos a segurança para operação segura.

Portanto, muitas das vezes que vemos esta norma ser negligenciada pelo uso de tambores, vasos com parede fina geralmente amassados, e outros filtros fabricados para outras finalidade que não o uso em equipamentos industriais, devemos entender que não se trata apenas de não atender um padrão proposto, mas está em desacordo com o que regulamenta o ministério do trabalho, podendo ser passível de autuação ou responsabilização por acidente que venha a ocorrer nas áreas adjacentes.

Fique ligado e opte por instalações responsáveis e seguras!

Saiba mais, entre em contato conosco!